Ingredientes: 1 litro de caldo de legumes 1 kg de batata inglesa lavada, sem casca e fatiada 2 unidades de alho-poró grandes 4 palitos de cenoura cozida para enfeitar 200 ml de leite ou 100ml de nata ou creme de leite Sal e pimenta do reino a gosto (substitua o sal por molho shoyu para um resultado mais rico e suave)


Modo de Preparo 1. Pique em rodelas finas o alho-poró e coloque-as em uma panela, acrescente as batatas fatiadas bem lavadas para retirar o amido. 2. Acrescente o caldo de legumes e salgue a gosto (é importante salgar antes de ferver para as batatas ficarem macias e gostosas). 3. Após cerca de 10 minutos de fervura (ou até as batatas ficarem macias), acrescente 100ml de creme de leite ou os 200ml de leite. Inclua os demais temperos a gosto. 4. Utilize um processador manual para texturizar a sopa em um creme, (se desejar, interrompa o processo antes de virar creme, deixando pedacinhos da abata e do alho-poró). Decore com a cenoura, salsinha e manjericão. Sirva com pãezinhos, queijo ralado e tudo mais que você gostar. Serve: 4 pessoas

16 visualizações0 comentário

Atualizado: 23 de Nov de 2020


Rejuvelac é uma bebida probiótica e fermento natural, feito com dois ingredientes caseiros e serve de base para queijos veganos, bebidas e iogurtes.


Para que serve? O Rejuvelac foi popularizado pela naturopata lituana Ann Wigmore pelos seus benefícios à saúde, como melhora da digestão e da imunidade. Essa bebida possui uma série de vitaminas, entre elas a E (que previne o envelhecimento precoce das células) e a B12 (importante para o sistema nervoso). Todos esses benefícios ainda estão em fase de estudo, para serem comprovados cientificamente.


O Rejuvelac é mais uma opção do mundo dos fermentados, rica em enzimas e bactérias com potencial probiótico, mas com a vantagem de ser mais fácil e prática de ser produzida. A fermentação ocorre sem a necessidade de uma colônia de “bichinhos” (geralmente doada por um amigo produtor, no caso do kefir e do kombucha) e dispensa o uso de açúcar. Basta ter um punhado de trigo ou outro grão de cereais (arroz integral, milho de pipoca, painço, lentilha, centeio, cevada, aveia, quinoa ou amaranto), colocar para germinar e depois mergulhar em água filtrada para produzir esse tônico da juventude, como o nome sugere.

Vamos aprender a fazer o Rejuvelac? Será necessário: - Um pote e uma garrafa de vidro muito bem higienizados, uma colher de pau, um pedaço de tecido fininho (tipo gaze) limpo, elástico, coador e funil. - Grão, de preferência orgânico (trigo, arroz integral, milho de pipoca, painço, lentilha, centeio, cevada, aveia, quinoa ou amaranto). - Água mineral ou filtrada.

Como fazer: Primeira etapa (germinação)

  1. Lave um punhado de grãos e coloque no vidro higienizado. Acrescente a água mineral ou filtrada até a metade do recipiente, cubra a boca com o tecido e prenda com o elástico. 

  2. No dia seguinte (após 12 horas) escorra a água sem tirar o tecido, enxague os grãos, escorra novamente e apoie o vidro numa tigela ou escorredor de louça com a boca para baixo. Repita esse processo de manhã e à noite.

  3. No terceiro dia, quando o narizinho (gérmen) do grão aparecer, ele está pronto para a fase da fermentação.

Segunda etapa (fermentação)

  1. Separe 1 xícara (chá) do grão germinado e coloque no vidro (o mesmo em que você germinou os grãos, mas higienizado novamente). Acrescente 1 litro de água mineral ou filtrada, cubra a boca com o tecido e prenda com o elástico. Deixe em local fresco (o temperatura ideal entre 20 e 22 graus) e protegido do excesso de luz. 

  2. Após 24 horas (ou 48 se preferir uma bebida mais fermentada), coe o líquido (esse é o rejuvelac) e engarrafe com auxílio do funil, pingue gotas de limão (opcional), tampe muito bem e guarde na geladeira para beber aos poucos (dura até um mês quando refrigerado). 

Alimento não é lixo: os grãos germinados podem ser usados mais duas duas vezes, mas, para que a fermentação não perca a força, reduza a quantidade de água (1/2 litro na segunda produção e 1/4 na terceira). Depois disso, bata os grãos no suco ou na vitamina ou, ainda, acrescente-os na salada ou na massa da tapioca.


Para animar, uma receitinha de Queijo cremoso de castanha com rejuvelac


Ingredientes

· 2 xícaras de chá de castanha-de-caju (ou outra de sua preferência)

· 1 xícara de rejuvelac de quinoa

· 1 colher de café (pequena) de sal

· 1/3 de dente de alho (opcional)

· 1 pitada de noz-moscada (opcional)


Modo de preparo

1. Deixe as castanhas de molho em água filtrada da noite para o dia;

2. Jogue a água fora;

3. Bata todos os ingredientes restantes no liquidificador até ficar com a cremosidade desejada;

4. Está pronto! Reserve na geladeira por até cinco dias e mexa com uma colher na hora de consumir.

45 visualizações0 comentário

Atualizado: 3 de Ago de 2020


Como já sabemos, o óleo de coco é um dos óleos mais recomendados para uso culinário, pois fornece importantes nutrientes ao organismo. Mas o óleo de coco tem uma vasta lista de indicação de uso fora da cozinha. vamos conhecer alguma:


1. Elimina manchas provocadas pela idade avançada: você pode passá-lo diariamente.


2. Ajuda na reconstrução capilar: basta passar o óleo na área que está com queda de cabelo.


3. Picadas de inseto: passe o óleo sobre a picada, que ele vai impedir a coceira e dor imediatamente.


4. Queimaduras: quando o óleo é aplicado na queimadura, ajuda a tratar e evitar manchas.


5. Cuida das pálpebras: ele tira o inchaço e trata a região com rugas.


6. Removedor de maquiagem: é muito simples, basta passar o óleo no rosto e massagear – a maquiagem sai facilmente.


7. Massageador: pode passar o óleo e massagear o corpo; ele deixa a pele mais macia, hidratada e suave


8. Trata seios ressecados: às vezes o mamilo fica dolorido e ressecado; então passe óleo de coco e veja a diferença.


9. Tatuagem: o óleo de coco protege a pigmentação por mais tempo.


Daterra Produtos Naturais:

  1. http://daterra.jp

58 visualizações0 comentário